Mãe que confessou matar filho alegando que ele chorava muito vai à júri popular em Ituiutaba

Share This:

Uma jovem de 21 anos acusada de matar o filho vai á júri popular a partir das 8h desta terça-feira (8) no Fórum Desembargador Newton Ribeiro da Luz, em Ituiutaba. O crime ocoreu em julho de 2016 e, na época, Elessandra Teles da Silva confessou à Polícia Civil que matou o bebê de 18 dias asfixiado com uma fralda, pois a criança chorava muito.

No dia do crime, o pai do bebê também foi preso por omissão, no entanto, ele foi inocentado por ser declarado com problemas mentais. A delegada titular da Delegacia da Mulher, Criança e Idoso em Ituiutaba, Alessandra Rodrigues da Cunha, contou em entrevista ao G1 que o corpo do bebê tinha sinais de engasgadura e arranhões no pescoço. Além disso, a mãe confessou a Polícia que o filho estava com a clavícula quebrada devido a agressões anteriores. Ela está presa desde o ano passado no Presídio Municipal de Ituiutaba.

Entenda

A Polícia Civil descobriu o crime após os pais da criança a levarem ao pronto-atendimento. Ao chegar ao local, o médico plantonista constatou o óbito e a unidade acionou o Conselho Tutelar. Os conselheiros desconfiaram do homicídio e acionaram a Delegacia.

“Pedi aos conselheiros para chamarem os pais para obterem mais informações sobre o caso. Enquanto isso, fui à funerária e solicitei que o corpo fosse para o Instituto Médico Legal (IML) para ser periciado. Assim que o médico me passou as informações pedi aos policiais para ficarem de guarda no Conselho Tutelar para ser feita a prisão em flagrante. Lá mesmo a mãe confessou o crime, que aconteceu na casa da família”, contou a delegada titular da Delegacia da Mulher, Criança e Idoso em Ituiutaba, Alessandra Rodrigues da Cunha.

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo protegido!!